Renata Piazzon, da área Ambiental, é eleita Conselheira do Instituto Akatu

3 . março . 2017 |

A advogada Renata Piazzon, especialista em Direito Ambiental do escritório Lobo & de Rizzo, foi eleita para o Conselho Consultivo do Instituto Akatu pelo Consumo Consciente. A organização, fundada em 2001, tem papel de destaque na mobilização da sociedade para a adoção de estilos de vida mais sustentáveis, tanto na produção como no consumo.

Importantes figuras de engajamento nacional sobre o tema ambiental/sustentabilidade também integram os conselhos acadêmico, consultivo, fiscal e deliberativo, dentre eles: Jorge Abrahão, Celina Capri e Sérgio Mindlin, do Instituto Ethos; Ana Lúcia Vilela, do Instituto Alana; os economistas Ricardo Abramovay e Eduardo Giannetti; e Ricardo Young.

‘As atividades do Instituto Akatu são realizadas a partir de duas frentes de atuação: educação e comunicação, por meio do desenvolvimento de campanhas, conteúdos e metodologias, pesquisas e eventos”, explicou Renata. “O Instituto também atua com empresas que buscam caminhos para a nova economia, ajudando a identificar oportunidades que levem a modelos de produção e consumo que avaliam os aspectos socioambientais de produtos e serviços, além da rentabilidade financeira”, completou a advogada.

A área de Direito Ambiental do Lobo & de Rizzo é reconhecida pela avaliação dos riscos e impactos ambientais de projetos, pelo licenciamento ambiental de greenfields e por consultorias prestadas nos mais diversos temas, com especial enfoque em gestão de resíduos sólidos, áreas protegidas e contaminadas e responsabilidade socioambiental dos bancos.


ver todas as publicacoes