Coronavírus: como a pandemia gera oportunidades e inovação

24 . março . 2020 |

Inevitável não nos depararmos com as consequências negativas que surgem todos os dias em razão do COVID-19.

Além da mudança do comportamento de cada indivíduo, as notícias sobre o tema vão desde os mapas de acompanhamento em tempo real da pandemia, como o site criado por adolescente de 17 anos¹, até o uso desses conteúdos para infectar computadores com malware².

Incrível que, em momentos tensos como o que estamos vivendo, existam pessoas que levam usuários a baixarem aplicativos a partir de domínios comprometidos e passam a registrar tudo o que é digitado e interceptam informações pessoais.

Diante de tantos desafios, não apenas os cyber criminosos se aproveitam, mas também muitos outros profissionais se destacam. Dentre tais profissionais estão os pesquisadores, os empreendedores e os matemáticos, uma vez que os números e os modelos estatísticos são usados para entender como a doença tem se espalhado³.

E não podemos nos esquecer das notáveis inovações que estão surgindo não apenas nas bancadas das universidades, mas também as desenvolvidas por empreendedores. Tratam-se de inovações como a tecnologia de uma startup de Curitiba que desenvolveu um dispositivo laboratorial, o Hilab, cuja funcionalidade é oferecer exames para identificar o coronavírus em aproximadamente 10 minutos⁴.

E, do outro lado, as ferramentas disponibilizadas em nosso ordenamento jurídico, em especial as de propriedade industrial, que viabilizam a proteção dessas tecnologias, sejam elas programas de computador, sejam invenções passíveis de proteção por patente.

Essas proteções, além de permitirem que os seus criadores e inventores se beneficiem de privilégio para a exploração exclusiva dos resultados, ainda que temporário, tornam-se importantes contribuições para a sociedade, além de serem fontes de informação para novos desenvolvimentos. Vale ressaltar que esta proteção é uma garantia de retribuição devida aos inventores, cuja proteção não limitará o acesso da população a essas invenções.

Diante desse cenário que nos gera preocupações, estamos tomando as medidas adequadas para prevenir a disseminação da doença, e seguimos viabilizando benefícios à sociedade e aos brilhantes inventores e criadores.

¹ Em https://revistapegn-globo-com.cdn.ampproject.org/c/s/revistapegn.globo.com/amp/Noticias/noticia/2020/03/adolescente-de-17-anos-cria-site-para-mapear-dados-sobre-o-coronavirus.html
² Em https://canaltech.com.br/hacker/hackers-estao-usando-apps-sobre-coronavirus-para-roubar-dados-e-infectar-pcs-161663/
³ Em https://saude-estadao-com-br.cdn.ampproject.org/c/s/saude.estadao.com.br/noticias/geral,matematicos-ajudam-a-entender-o-que-funciona-ou-nao-para-conter-o-coronavirus,70003233525.amp
⁴ Em  https://blog-aaainovacao-com-br.cdn.ampproject.org/c/blog.aaainovacao.com.br/startup-curitibana-teste-rapido-coronavirus/amp/   

Para mais informações, entre em contato:

Ana Paula Celidonio

ana.celidonio@localhost

Maysa Zardo

maysa.zardo@localhost

Danilo Martins Braga

danilo.braga@localhost

Isabella Katz Migliori

isabella.migliori@localhost

Gustavo da Costa Simões

gustavo.simoes@localhost


ver todas as publicacoes