(Português) Renata Piazzon, da área Ambiental, é eleita Conselheira do Instituto Akatu

3 . March . 2017 |

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

A advogada Renata Piazzon, especialista em Direito Ambiental do escritório Lobo & de Rizzo, foi eleita para o Conselho Consultivo do Instituto Akatu pelo Consumo Consciente. A organização, fundada em 2001, tem papel de destaque na mobilização da sociedade para a adoção de estilos de vida mais sustentáveis, tanto na produção como no consumo.

Importantes figuras de engajamento nacional sobre o tema ambiental/sustentabilidade também integram os conselhos acadêmico, consultivo, fiscal e deliberativo, dentre eles: Jorge Abrahão, Celina Capri e Sérgio Mindlin, do Instituto Ethos; Ana Lúcia Vilela, do Instituto Alana; os economistas Ricardo Abramovay e Eduardo Giannetti; e Ricardo Young.

‘As atividades do Instituto Akatu são realizadas a partir de duas frentes de atuação: educação e comunicação, por meio do desenvolvimento de campanhas, conteúdos e metodologias, pesquisas e eventos”, explicou Renata. “O Instituto também atua com empresas que buscam caminhos para a nova economia, ajudando a identificar oportunidades que levem a modelos de produção e consumo que avaliam os aspectos socioambientais de produtos e serviços, além da rentabilidade financeira”, completou a advogada.

A área de Direito Ambiental do Lobo & de Rizzo é reconhecida pela avaliação dos riscos e impactos ambientais de projetos, pelo licenciamento ambiental de greenfields e por consultorias prestadas nos mais diversos temas, com especial enfoque em gestão de resíduos sólidos, áreas protegidas e contaminadas e responsabilidade socioambiental dos bancos.


see all publications