(Português) Informe Trabalhista | Trabalho aos domingos e feriados continua regulamentado por legislação municipal e portaria

22 . August . 2019 |

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

O Senado Federal aprovou ontem o Projeto de Lei de Conversão (PLV) 21/2019, relativo à chamada MP da Liberdade Econômica (Medida Provisória 881), mas excluiu do texto a autorização irrestrita de trabalho aos domingos por empregados (trabalhadores com regime celetista). Essa autorização ampla havia sido inserida e aprovada pela Câmara dos Deputados, mas foi impugnada no Senado Federal sob a alegação de ser ela matéria estranha ao tema da Declaração de Direitos de Liberdade Econômica.

Com isso, permanecem vigentes as regras atuais de trabalho aos domingos previstas na seguinte legislação:

  • Lei 605/1949 – Dispõe que todo empregado tem direito a um repouso semanal remunerado de 24 horas consecutivas, preferencialmente aos domingos e em feriados civis e religiosos.
  • Lei 10.101/2000 – Autoriza o trabalho aos domingos e feriados nas atividades do comércio em geral, observada a legislação municipal. Estabelece ainda que o repouso semanal remunerado deverá coincidir, pelo menos uma vez no período máximo de três semanas, com o domingo, respeitadas as demais normas de proteção ao trabalho e outras a serem estipuladas em negociação coletiva.
  • Portaria 604/2019 – Editada pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, órgão do Ministério da Economia, com fundamento no art. 68, parágrafo único, da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o ato concede autorização para o trabalho aos domingos e feriados a 78 atividades diversas da indústria, comércio, transportes, comunicações e publicidade, educação e cultura, serviço funerário e agricultura e pecuária.

O PLV 21/2019 aprovado segue agora para sanção presidencial.

 

Para mais informações, entre em contato:

Fabio Medeiros
fabio.medeiros@localhost

André Laza
andre.laza@localhost


see all publications